Deliberações da Plenária da Fasubra

Shares
Fórum da Federação foi realizado em Brasília-DF, nos dias 3, 4 e 5 de junho

Conjuntura Nacional: Campanha Salarial dos SPFs

  • Manutenção da construção da Greve Salarial no mínimo do Setor da Educação (Fasubra, Andes-SN e Sinasefe);
  • A Fasubra deve envidar esforços para construir a mobilização unificada com o Setor da Educação, ainda nesse mês de junho, para enfrentar os ataques do governo referentes aos cortes na educação, cobrança de mensalidades, venda da Eletrobrás, venda da Petrobrás, recomposição salarial e os demais pontos que inviabilizam o pleno funcionamento das Instituições Federais de Ensino Superior (IFES);
  • A Fasubra deve orientar suas entidades de base a se empenhar e atuar com força total nos atos que ocorrerão nos dias 9 de junho (nos Estados) e 14 de junho (para ocupar Brasília-DF), conforme orientação consensuada em reunião da Educação Federal, contra os cortes de verbas para a educação e pela reposição das perdas inflacionárias. Assim como insistir para novos atos unificados da educação rumo a um novo tsunami e uma nova Plenária do Setor da Educação para dar seguimento à luta;
  • Criar calendário com docentes e técnico-administrativos, intercalados com mobilizações unificadas de 15 em 15 dias, com duração até a eleição de outubro deste ano;
  • Lutar pela recomposição das perdas acumuladas em conjunto com os servidores públicos, construindo a greve, no mínimo, do Setor da Educação;
  • Reivindicar a extensão do vale-alimentação para aposentados.

Conjuntura Nacional: Eleições 2022

  • Aprovado apoio à candidatura de Lula à Presidência da República;
  • A Fasubra orienta que seja feito todo esforço político para ajudar a derrotar Bolsonaro nas ruas e nas eleições;
  • Nenhum voto na ultradireita que aplica um programa neoliberal no Brasil por meio da Reforma Administrativa (PEC 32/2020), do congelamento de salários e das privatizações em todos os níveis;
  • Criação de Comitês Populares de Luta em apoio à candidatura do Presidente Lula, a única capaz de derrotar o projeto de extrema direita e o desmonte público personificado em Bolsonaro;
  • Será apresentada plataforma de programa defendido pela Fasubra especialmente à candidatura de Lula;
  • A plataforma terá como base as resoluções congressuais, atualizadas com novos ajustes da conjuntura;
  • A Fasubra deve elaborar e encaminhar propostas de apoio político às candidaturas proporcionais da esquerda e dos movimento sindicais;
  • A Fasubra orienta apoio às candidaturas da esquerda que sejam de servidores públicos e de servidoras públicas, em especial aos Técnico-Administrativos em Educação;
  • A Plenária Nacional da Fasubra orienta que as entidades de base coloquem como prioridade a necessidade de incentivar os aposentados a votarem nas próximas eleições para eleger políticos comprometidos com propostas que combatam a discriminação desse setor;
  • A Plenária Nacional da Fasubra orienta a Federação a fazer campanha em seus perfis de redes sociais, assim como também às entidades de base fazerem o mesmo, lembrando, especialmente aos aposentados, que o Brasil possui 40 milhões de idosos e idosas e que podemos mudar o resultado da eleição com o voto e a luta dos aposentados.

Programa de Gestão e Desempenho/Teletrabalho

  • A Fasubra convocará a Comissão Nacional de Supervisão da Carreira (CNSC) para preparar a reunião com o GT Nacional a ser constituído na base para avaliação, discussão e elaboração de um projeto sobre o Programa de Gestão e Desempenho (PGD) teletrabalho e trabalho híbrido e o Decreto 11.072/2022;
  • A Fasubra orienta as entidades de base a criarem o GT Carreira, onde não houver, para participar da reunião com a CNSC sobre o Programa de Gestão e Desempenho (PGD) teletrabalho e trabalho híbrido e decreto 11.072/2022, no próximo dia 25 de junho.

Propostas para os atos dos dias 9 e 14 de junho

  • 9 de junho: Atos nos Estados #OcupaCampi – Contra os Cortes das Verbas da Educação Federal
  • 14 de junho: Grande ato nacional #OcupaBrasília

Orientações

A Fasubra orienta as entidades de base a realizarem as mobilizações em todas as Instituições Federais de Ensino Superior (IFES), utilizando carro de som, fazendo panfletagens contra os ataques do governo aos serviços públicos e com os seguintes eixos:

Agenda

  • 09/06 – Ato Contra os Cortes de Verbas
  • 14/06 – Ato Nacional #OcupaBrasília
  • 25/06 – Reunião da CNSC da Fasubra

Imagens

Veja as fotos da Plenária Nacional da Fasubra de 3, 4 e 5 de junho disponíveis em nossa galeria:

Conteúdo relacionado

Mário Júnior

Shares